sábado, 22 de junho de 2019

O Figueirense - Jornal mais antigo da Figueira da Foz está de parabéns - Completou um século de vida!

O Jornal O Figueirense comemorou na passada 4ª feira dia 19 de junho de 2019 o seu centenário, promovendo no Casino Figueira um debate sobre o futuro da comunicação social portuguesa perante uma plateia que encheu a sala. 
O diretor do agora mensal jornal O Figueirense, António Jorge Lé, moderou os distintos oradores convidados, João Palmeiro (presidente da Associação Portuguesa de Imprensa) e Jorge Castilho (jornalista e professor de comunicação social), tendo durante o debate aproveitado a ocasião para homenagear o jornalista Aníbal José de Matos e o também professor universitário João Palmeiro. 
A centralidade dos chamados «grandes títulos», o papel dos jornais clássicos e os em formato digital, a formação e a deontologia da profissão foram alguns dos temas abordados. 
Ao longo do debate Jorge Castilho defendeu que “hoje não é jornalista quem quer pois, além da formação, há que cumprir de forma rigorosa uma série de regras e um código deontológico”. 
No final, ficou uma certeza: os títulos em formato papel não irão terminar, sendo certo que o futuro de qualquer órgão informativo (clássico ou digital) passa pela credibilidade, seriedade e profissionais devidamente habilitados para o exercício da função. 

Sem comentários:

Publicar um comentário