domingo, 16 de outubro de 2016

Magenta traz Tavarede à Figueira da Foz / Mais dois sócios premiados em Roma / E próximo fim de semana em Paris

Na galeria da Magenta-Associação dos Artistas pela Arte está em exibição uma exposição de fotografia e pintura cujos trabalhos foram realizados no decorrer das festividades da comemoração dos 500 anos do Foral de Tavarede no passado mês de setembro. Com a presença de Fernando Rodrigues Vice Presidente da Junta de Freguesia de Tavarede, de elementos da direção da Magenta e de alguns amigos e associados, a inauguração contou ainda com a presença de representantes de várias coletividades do concelho: Sociedade Instrução Tavaredense, Grupo das Mulheres de Tavarede, Clube Desportivo e Amizade do Saltadouro, Grupo Musical Carritense, Grupo Desportivo e Recreativo da Chã e Agrupamento de Escuteiros 1215 de Tavarede que, vestidos a rigor, recriaram um ambiente que nos levou a viajar no tempo. Marcou presença a Nobreza, o Povo e o Clero que do Convento trouxe hóstias e compota. A terra do limonete veio até à Figueira da Foz, e trouxe-nos também o seu licor de limonete. 
Dulce Menezes, presidente da Magenta, referiu a importância desta parceria entre a associação e a Junta de Freguesia na divulgação das artes e, por sua vez, Fernando Rodrigues reiterou a importância destes eventos não só no presente como também no futuro. Salientou, ainda, a forma como a associação acolheu o projeto desde o primeiro momento e como o dinamizou, não só em Tavarede mas também na Galeria, trazendo Tavarede à Figueira da Foz. 
As obras em exposição, que podem ser apreciadas até ao dia 11 de novembro, foram oferecidas à Junta de Freguesia e passarão a fazer parte do seu espólio, como referiu Fernando Rodrigues. As fotografias são de António Ramos e as pinturas foram executadas por: Dulce Menezes, Hermínia Veríssimo, Laidita Ferreira, José Neto, José del Castillo, Nuno Confraria e Ramiro Calouro, 
Esta foi a primeira atividade da parceria entre a Magenta e o atual executivo desta Junta de Freguesia que ofereceu à Associação um trabalho sobre a Fonte de Tavarede e que integrará também o espólio da Magenta. 
………………………........................................................................................................……
Arte Portuguesa premiada em Roma Na exposição de Arte em homenagem aos 565 anos do nascimento de "Leonardo da Vinci”, que decorre de 14 a 18 de outubro de 2016 na Galeria La Pigna, em Roma, para além de Gustavo Martins e Nuno Confraria, artistas plásticos figueirenses premiados neste que é o XXIII Intercâmbio Internacional de Arte e XV Salão Premiado, também a associada da Magenta Lena Moura Poinha (pintura) e Jorge Braga (escultura) viram a qualidade da sua arte ser reconhecida entre os seus pares de vários pontos do globo, tais como Alemanha, Brasil, Argentina, Reino Unido, Estados Unidos da América, Albânia e Itália.
O certame que contou com a participação de 70 artistas, oriundos de diversos países do mundo, foi premiado em 4 categorias: "Melhor do Salão"- arrecadado por Gustavo Martins, "Escultura" com medalha de prata para Jorge Braga; "Fotografia Digital" e "Pintura". Nesta categoria a medalha de bronze foi atribuída a Nuno Confraria e a menção honrosa a Lena Moura Poinha. 
Estes artistas plásticos voltam a ver o reconhecimento da sua arte, o que permite evidenciar que a Figueira da Foz é uma cidade recheada de artistas com qualidade e a Magenta apoia-os na sua a trajetoria. Brilham os artistas, a Associação Magenta, a Figueira da Foz e Portugal. Em resultada da parceria entre esta associação e a ArtcomExpo sediada na Noruega, novos eventos estão a ser planeados nos quais podem participar artistas mesmo não sendo sócios da Magenta. 
...............................................................................................................
Por sua vez, e já no próximo fim de semana (de 21 a 23 de outubro) a Magenta vai estar representada no Caroussel du Louvre, em Paris, no XXVI Encontro Internacional de Arte e XVIII Salão Internacional de Arte Premiado. 
De Portugal e da Figueira da Foz vão marcar presença os artistas plásticos Nuno Confraria, Gustavo Martins e Dulce Menezes com trabalhos de pintura; Sofia Neto com Desenho Digital; E as associadas Lena Poinha, moçambicana residente na Marinha Grande, e Gabriela Medina, natural da Venezuela e atualmente a residir em Paris, participam respetivamente com pintura e fotografia. Irão ombrear com conceituados artistas de diversos cantos do mundo tais como: Reino Unido, Brasil, Noruega, Canadá, Estados Unidos da América, Itália, França, Albânia, Alemanha, Venezuela, entre outros. 
De salientar que a Magenta foi fundada em junho de 2003 e que a sua primeira exposição internacional aconteceu no ano seguinte precisamente em Paris.

Sem comentários:

Publicar um comentário